O que esperar do Bitcoin?
o_que_esperar_do_bitcoin

O que esperar do Bitcoin?

Quando o Bitcoin e o Ethereum atingiram novos recordes em 10 de novembro de 2021, foi um divisor de águas para os mercados de criptomoedas. Os dois maiores tokens digitais – por valor de mercado – atingiram o pico e imediatamente ficaram sem força, com ambos fechando a sessão abaixo das mínimas do dia anterior.

O padrão de reversão da chave de baixa foi uma bandeira vermelha na análise técnica.

Em 24 de janeiro, Bitcoin e Ethereum, os líderes com mais de 60% do valor de mercado da classe, atingiram seus patamares mais baixos. Desde então, os preços se consolidaram acima das mínimas de 24 de janeiro até 6 de maio, quando atingiram novas mínimas.

O padrão de cunha de altos e baixos sugeria que as criptomoedas se tornavam molas bem enroladas, preparando-se para romper para cima ou para baixo. Em 9 de maio, veio o intervalo, e foi mais baixo. O bear market em criptos permanece intacto após a última mínima.

Qualquer pessoa chocada com a carnificina das criptomoedas precisa colocar o price action em perspectiva. As criptomoedas deram um novo significado ao termo volatilidade e provavelmente continuará assim.

A consolidação leva a mínimos mais baixos

Depois de cair do recorde de 10 de novembro para as mínimas de 24 de janeiro, os preços do Bitcoin e do Ethereum digeriram o movimento e se consolidaram mais perto da baixa do que a alta do final de 2021.

O gráfico acima mostra o preço do Bitcoin consolidado entre US$ 33.076,69 e US$ 48.187,21. Em 9 de maio, o preço caiu abaixo do limite inferior da faixa de negociação, atingindo US$ 25.919,52 em 12 de maio, o menor preço do token digital desde dezembro de 2020.

Alguns anos atrás, Jamie Dimon, presidente e CEO da principal instituição bancária da América, JP Morgan Chase, chamou o Bitcoin de “fraude”. Em 2022, no encontro anual da Berkshire Hathaway em Omaha, Nebraska, o lendário investidor Warren Buffett disse que o Bitcoin não produz nada. Ele também disse:

 “Se você me dissesse que possui todo o Bitcoin do mundo e me oferecesse por US $ 25, eu não aceitaria…O que faria com isso? Eu teria que vendê-lo de volta para você de uma forma ou de outra.”

Enquanto isso, seu parceiro de fala simples, Charlie Munger, deu um passo adiante, dizendo:

“Na minha vida, tento evitar coisas que são estúpidas, más e me fazem parecer mal em comparação com outra pessoa – e o Bitcoin faz os três. Em primeiro lugar, é estúpido porque ainda é provável que vá a zero. É mau porque mina o sistema do Federal Reserve. E terceiro, nos faz parecer tolos em comparação com o líder comunista na China. Ele foi inteligente o suficiente para banir o Bitcoin.”

Muitos dos investidores e líderes bancários mais bem-sucedidos rejeitaram as criptomoedas nos últimos anos, vendo sua ascensão como a mania do bulbo de tulipa que tomou conta da Holanda nos anos 1600.

Mas apoiadores ideológicos aplaudem o mergulho como oportunidade de compra.

Como as criptomoedas representam a evolução da revolução fintech – que envolve blockchain -muitos líderes de tecnologia adotaram as criptomoedas. Peter Thiel, um capitalista de risco e cofundador do PayPal, chamou Warren Buffett de “inimigo número um” e se referiu ao lendário investidor como “vovô sociopata de Omaha”.

O fundador da Block, Jack Dorsey, o CEO da Tesla, Elon Musk, e uma série de outros fundadores e líderes de tecnologia apoiaram a classe de ativos, colocando partes substanciais de seus investimentos em Bitcoin, Ethereum e outras criptos.

Os apoiadores ideológicos tendem a ser libertários, rejeitando o papel do governo em controlar a oferta de dinheiro e devolvê-la à liberdade individual. Enquanto os especuladores de curto prazo, apanhados na liquidação que começou em meados de novembro, estão lambendo suas feridas financeiras. Já os defensores da classe estão usando a atual liquidação como uma oportunidade de compra.

Nos últimos anos, as criptomoedas fizeram um progresso significativo para se tornarem ativos convencionais. No entanto, ainda continuam enfrentando problemas que impedem o crescimento. A custódia e a segurança se mantêm como obstáculos substanciais, já que a invasão de computadores é um perigo claro e presente.

Coreia do Norte, Rússia, China, Irã e outros países têm habilidades significativas de hackers que resultaram em roubos. Além disso, o ransomware para pagamento em criptomoedas aumentou nos últimos anos.

Ao mesmo tempo, o obstáculo mais significativo vem de governos e reguladores, pois as criptomoedas ameaçam o controle da oferta de moeda corrente. Enquanto funcionários do governo e agências reguladoras citam os perigos das criptos no submundo da economia global, a real motivação é manter o controle sobre o dinheiro de cada um de nós, uma fonte crítica de poder político e econômico.

As probabilidades favorecem a alta, mas as recompensas potenciais vêm com riscos.

O entusiasmo especulativo nos últimos anos diminuiu desde novembro de 2021. Quanto mais os preços caem, mais os detratores dirão: “Eu avisei”, enquanto os apoiadores pegarão o que consideram pechinchas. Enquanto isso, um retorno do interesse especulativo só virá com uma recuperação que leve os preços acima de seus níveis de resistência técnica, marcados pelo declínio.

O sentimento é o fator mais significativo que impulsiona os preços para cima ou para baixo nos mercados, e isso vale para todas as classes de ativos, e as criptomoedas não são exceção. A tecnologia Blockchain tem ampla aceitação, enquanto as criptomoedas são outra história.

Embora haja lucros potenciais a serem obtidos para aqueles com paciência e tolerância ao risco apropriada, o importante é investir apenas a quantidade de dinheiro que você está disposto a perder, pois as possíveis recompensas vêm com riscos proporcionais.

A ação do preço na última década sugere que Bitcoin, Ethereum e muitos dos outros mais de 19.540 tokens encontrarão fundos e sofrerão correções significativas. Desde 2010, comprar durante períodos de carnificina de preços tem sido a abordagem ideal, e as tendências atuais podem ser o momento perfeito para considerar adicionar algumas criptomoedas ao seu pé-de-meia antes que o frenesi reacenda no mercado cíclico.

Nunca devemos nos surpreender com ações de preços explosivas ou implosivas em criptomoedas, pois elas redefiniram completamente o significado de volatilidade.

Por: Felipe Garkalns

Compartilhar:FacebookTwitter

Deixe uma resposta

MyCAP Power Broker APP

É a ferramenta ideal para quem quer acompanhar o mercado em tempo real de qualquer lugar.

MyCAP Power Broker APP
%d blogueiros gostam disto: